Douglas André Würz – Serviços Sommelier SC/RS/PR

Douglas André Würz

Sommelier Internacional FISAR
Nível 01 em Vinhos WSET.

–> Cursos
–> Palestras
–> Consultoria e Treinamentos
–> Elaboração de Carta de Vinhos
–> Harmonizações
–> Eventos

Contato: (49) 9819-3990
                douglaswurz@hotmail.com

image

2° Festival de vinhos dos Altos Montes

Você já conhece as vinícolas associadas à Altos Montes? São elas que vão oferecer os vinhos, espumantes e sucos que vocês degustarão no Festival, por R$ 5,00 a taça ou R$ 25,00 a garrafa. Confere aí:

Boscato Vinhos Finos

Casa Venturini

FABIAN – Espumantes, Vinhedos e Vinhos Finos

Fante Bebidas

Luiz Argenta Vinhos Finos

Vinícola Mioranza

Cooperativa Vinícola Nova Aliança Ltda

Panizzon Vinhos Finos

Terrasul Vinhos Finos Ltda

Valdemiz – Vinhos Monte Reale

Vinhos Viapiana

image

Abertas inscrições para Congresso da OIV no Brasil

Primeiro lote está disponível com preços que variam de US$ 70 a US$ 550. Evento será realizado de forma inédita no País, no município de Bento Gonçalves, de 23 a 28 de outubro

Estão abertas as inscrições para o 39º Congresso Mundial da Vinha e do Vinho, que ocorre em Bento Gonçalves (RS), de 23 a 28 de outubro deste ano. Os preços variam de US$ 70, para estudantes, até US$ 550 para participação em toda a programação do Congresso. Os preços promocionais estão disponíveis até o dia 17 de agosto. A partir deste dia até a véspera do evento, os valor ficará entre US$ 95 e US$ 715. Para inscrições durante o Congresso, as taxas ficarão entre US$ 120 e US$ 880. Para informações detalhadas sobre as diferentes faixas de preços e pacotes, acesse http://www.oiv2016.org.br/pt/inscricoes ou envie e-mail pararecepcao@aconteceeventos.com.br

O Brasil receberá pela primeira vez o evento, considerado o mais importante do segmento vitivinícola mundial, que é promovido pela Organização Internacional da Vinha e do Vinho (OIV), reunindo representantes de governos, entidades de ensino e de pesquisa e empresariais de 39 países do mundo.

Inscrições de trabalhos científicos até 12 de junho        
A inscrição de trabalhos científicos deve ser feita, gratuitamente, na plataforma http://www.oiv.int/congres/OIV2016BRA/login, até o dia 12 de junho. Poderão ser inscritos trabalhos que apresentem conhecimentos científicos de assuntos relacionados às áreas de viticultura, enologia, economia e direito e segurança e saúde. O texto deverá ser submetido em inglês e em outros dois idiomas oficiais do evento, sendo eles espanhol, francês, alemão e italiano.  Ao enviar o trabalho, o autor deverá propor sua apresentação entre os três formatos possíveis: Apresentação Oral (15-20 minutos), Apresentação Curta (5-10 minutos) ou Pôster.

O tema central da edição deste ano é Vitivinicultura: avanços tecnológicos frente aos desafios do mercado, e deve discutir assuntos como: desenvolvimento sustentável e mudanças climáticas, a cultura do vinho, o consumo responsável, avanços nas tecnologias vinícolas, produção de uva de mesa e suco, entre outros.

A realização do Congresso no Brasil é coordenada e presidida pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), e compõem a Comissão Organizadora do evento: a Embrapa Uva e Vinho, o Instituto Brasileiro do Vinho (Ibravin), o Governo do Estado do Rio Grande do Sul e a Prefeitura Municipal de Bento Gonçalves.

Acesse o endereço http://www.oiv2016.org.br/pt/ para mais informações sobre o evento.

image

Fonte: http://www.enologia.org.br/component/kd2/item/446-congresso-da-oiv-no-brasil-envio-de-trabalho-at%C3%A9-12-de-junho

Museu do vinho é inaugurado em Bordeaux

Às margens do rio Garonne, em Bordeaux, França, a La Cité du Vin (cidade do vinho em português) abre as portas na próxima quarta feira (1) como o primeiro museu dedicado inteiramente ao vinho.

A construção que custou R$ 330 milhões possui uma obra arquitetônica contemporânea que faz contraste com os prédios locais do século 18 e 19. O museu é composto por centenas placas de alumínio e vidro modelados por diversas curvas que correspondem ao movimento que o vinho faz enquanto está sendo colocado na taça.

Os vinhos que serão vendidos no museu não são apenas franceses. A cidade do vinho conta com uma loja com 800 rótulos, sendo 200 franceses e os demais do resto do mundo.

São esperados 450 mil visitantes por ano, entre enófilos, sommeliers, crianças e adultos. A proposta da La Cité du Vin é falar sobre o vinho de forma didática e interativa que atenda todos os públicos.

A inauguração para convidados acontece nesta terça-feira (31) e deve contar com a presença do presidente da França, François Hollande. Os ingressos custam € 20 e darão direitos à visitação da exposição permanente do museu e à degustação de uma taça de vinho.

image

Original: http://revistaadega.uol.com.br/artigo/museu-do-vinho-e-inaugurado-em-bordeaux_10643.html#ixzz4AC4ZIM3G

Brazil Wine Challenge: 58 jurados de 10 países formam painel de degustadores

Vinhos e espumantes de todos os continentes estarão sendo degustados por um painel de 58 jurados internacionais de 10 países da Europa (Espanha, França, Grécia, Itália e Portugal) e das Américas (Argentina, Bolívia, Brasil, Chile e Uruguai). O time terá o desafio de avaliar na taça a qualidade dos produtos inscritos.

O Brazil Wine Challenge, 8ª edição do Concurso Internacional de Vinhos do Brasil, organizado pela Associação Brasileira de Enologia (ABE) e pela Revista Adega será realizado de 7 a 10 de junho no SPA do Vinho Hotel & Condomínio Vitivinícola, no Vale dos Vinhedos, Bento Gonçalves (Serra Gaúcha). O Brazil Wine Challenge é o único concurso de vinhos no Brasil com a chancela da Organização Internacional da Vinha e do Vinho (OIV) e da União Internacional de Enólogos (UIOE).

image

Salton Prosecco 2015

Quanta leveza, frescor e agradabilidade em um espumante.

Esse espumante, elaborado com a variedade Prosecco, é da safra 2015, e é elaborado pela Vinícola Salton, de Bento Gonçalves.

Apresenta uma coloração amarelo palha, de pouca intensidade, boa limpidez, perlage mediano e abundante.

Aromas delicados, de boa intensidade e elegância, predominando notas de maçã verde, cítrico, abacaxi, toque floral e nuances de casca de pão.

Possui boa acidez, refrescante, agradável em boca, predominando no retrogosto as notas de maçã verde, abacaxi.

Um espumante jovial, leve, fresco, uma boa opção!

20160424_115940

 

Casa Salvador Cabernet Sauvignon 2013

Já havia comentando no “Falando em Vinhos”, contudo, degustei esse vinho novamente, e sempre propicia boas sensações.

Situada na Serra Gaúcha, a Vinícola Salvador apresenta a linha Casa Salvador, uma série de vinhos que expressa, de forma fina e jovial,  tipicidade de cada variedade.

Esse vinho apresenta um coloração Rubi. Aroma franco, de boa qualidade, destacando o frutado, como o morango e ameixa. Em boca apresenta acidez mediana e taninos harmônicos e suaves. Retrogosto predomina o frutada, principalmente a amora e a ameixa. Um bom vinho, leve, jovial, fácil de ser apreciado.

20160424_115731

Moët & Chandon leiloa no Festival de Cannes adega exclusiva

Em evento de gala ocorrido durante o badalado Festival de Cinema de Cannes, a maison de champagne Moët & Chandon leiloou uma verdadeira obra de arte em forma de adega.

A magnífica adega foi leiloada no evento por nada menos que 100 mil euros, cujo valor será totalmente revertido para pesquisas em prol da cura da AIDS.

Construída à mão, a “MCIII Wine Cellar” alcançou esse incrível valor por se tratar de uma peça única que veio “recheada” com 23 garrafas magnum do novo rótulo MCIII, um champagne exclusivo da marca feito para a 23ª edição do baile de gala amfAR Cinema Against AIDS.

De acordo com o chef de cave da maison, Benoît Gouez, o MCIII é muito mais que um grande champagne, mas um produto “pioneiro e inovador”, um dos poucos, se não o único, que combina Champagnes Grands Crus com vinhos tranquilos. Embora não seja algo inédito, a incorporação de um champagne num blend com vinhos base com e sem passagem por madeira é extremamente rara na Champagne, especialmente pela dificuldade e o custo de ajustar o vinho no ponto ideal.

image

Fonte: http://blogs.gazetaonline.com.br/vinhosemaisvinhos/2016/05/moet-chandon-leiloa-no-festival-de-cannes-adega-exclusiva-de-100-mil-euros.html

REVISTA BRASILEIRA DE VITICULTURA E ENOLOGIA – NÚMERO DE TRABALHOS INSCRITOS BATE RECORDE

Desde 2009, quando foi lançada, a Revista Brasileira de Viticultura e Enologia nunca havia registrado um número tão expressivo de artigos técnicos inéditos inscritos. Este ano, o total chegou a 29 trabalhos, nas áreas da Viticultura, Enologia, Vinho e Saúde, Legislação e Mercado. O recorde avaliza a antecipação da data das inscrições como um fator positivo a ser considerado para as próximas edições. Esse adiantamento está intimamente ligado ao interesse da entidade de oportunizar aos pesquisadores maior tempo para adesão. Agora, eles seguem sendo avaliados por assessores científicos que integram o comitê técnico sob coordenação do editor-chefe Dr. Alberto Miele.

Nas sete edições foram publicados mais de 70 trabalhos originais, trazendo denso conteúdo que segue metodologia científica, priorizando o ineditismo. Atendendo demandas de conhecimento, os temas trazem novas visões em torno de assuntos atuais e relevantes para o setor. Com periodicidade anual e uma tiragem de 2,5 mil exemplares, a revista é lançada durante a Avaliação Nacional de Vinhos, sendo distribuída aos mais de 850 participantes, além dos enólogos associados espalhados por todo o Brasil. A publicação também chega a universidades, escolas e associações de enólogos de outros países, além de institutos de pesquisa e demais instituições de ensino.

O trabalho segue sob a orientação do editor-chefe Dr. Alberto Miele. A Revista Brasileira de Viticultura e Enologia é a única publicação técnica brasileira que alimenta o setor, atraindo novos pesquisadores e áreas estudadas. O PDF das edições anteriores pode ser acessado no sitewww.enologia.org.br.

Comissão organizadora: Juliano Daniel Perin, Alberto Miele, Carlos Abarzúa, Christian Bernardi, Cláudia Stefenon, Dario Crespi, Leocir Bottega, Luciano Vian, Samuel Cervi.

Comitê editorial: Dr. Alberto Miele (Editor-Chefe), Dr. Carlos Eugênio Daudt, Dra. Cláudia A. Stefenon, Dr. Celito Crivellaro Guerra, Dr. Eduardo Giovannini, Dr. Erasmo José Paioli Pires, Dr. Jean Pierre Rosier, Dr. Luciano Manfroi, Dr. Maurilo Monteiro Terra, Dra. Regina Vanderlinde, Dr. Sérgio Ruffo Roberto e Dr. Vitor Manfroi.

image