Degustando ao ar livre

Todos os dias a cena se repete. Turistas povoam o jardim da Vinícola Peterlongo, no entorno do castelo, para participar de degustações harmonizadas, colocando os sentidos à prova. Abraçados pelos vinhedos, apreciam a cada gole a vista do centro de Garibaldi, a Capital Brasileira do Espumante, mergulhando nesse universo de descobertas.

No chão, sentados em almofadas, ou em rústicas mesas, sob a sombra d uma gigantesca nogueira, os visitantes têm a oportunidade de se desligar do cotidiano, fazendo uma viagem pelo mundo do vinho em meio à natureza. As degustações podem ser vivenciadas em qualquer dia da semana, entre as 9h e 16h, desde que agendadas antecipadamente pelo e-mail eventos@peterlongo.com.br ou pelo telefone (54) 3462.1355.

A vinícola oferece duas opções de degustações harmonizadas. Uma que contempla quatro espumantes e outra com cinco, com valores de R$ 20 e R$ 30 por pessoa, respectivamente. Durante, aproximadamente, 1h30min, a experiência gira em torno de taças de espumantes e sua harmonização com opções gastronômicas. O ritual é conduzido pelo sommelier João Ferreira, gerente de Turismo da Peterlongo.

SERVIÇO

Degustação Presence

Valor: R$ 20

Produtos: quatro espumantes elaborados pelos métodos Champenoise, Charmat e Asti.

 

Degustação Elegance

Valor: R$ 30

Produtos: cinco espumantes elaborados pelos métodos Champenoise (top de linha), Charmat e Asti.

 

Horário das degustações: entre 9h e 16h

As degustações harmonizadas devem ser agendadas pelo e-mail eventos@peterlongo.com.br ou pelo fone (54) 3462.1355.

Degustação (1)

Peterlongo no topo em Mendoza

Receber uma medalha em um concurso internacional de vinhos é sempre motivo de orgulho para a equipe da Vinícola Peterlongo. Imagina quando são sete medalhas, sendo quatro Grande Ouro, duas Ouro e uma Prata? A conquista vem de Mendoza, na Argentina, do 13º Concurso Internacional de Vinos y Licores Vinus 2016, que integra o Ranking Mundial Wine 2017.

Dos sete prêmios conquistados, o Peterlongo Espumante Prosecco foi o que obteve a maior pontuação com 95 pontos, seguido pelo Peterlongo Elegance Espumante Brut, Peterlongo Presence Espumante Moscatel Rosé e Peterlongo Presence Espumante Moscatel Branco com 94 pontos, todos com Grande Ouro. O Peterlongo Privillege Espumante Brut Rosé e o Peterlongo Elegance Espumante Brut Nature obtiveram 90 e 89 pontos, respectivamente, alcançando Medalha de Ouro. A Prata ficou com o Peterlongo Presence Espumante Brut com 88 pontos.

“Sete espumantes inscritos e sete medalhas conquistadas”, comemora a enóloga Deise Tempass. Segundo ela, o reconhecimento da qualidade dos espumantes elaborados pela Peterlongo, responsável por dar início à história da bebida no país, vem se repetindo mundo afora, reforçando a expertise da vinícola quando se trata de espumantes.

Realizado nos dias 4 e 5 de agosto o concurso reuniu amostras de 141 vinícolas de 17 países. O júri contou com a participação de especialistas de diversos países. Do Brasil, participaram os enólogos Firmino Splendor, fundador e ex-presidente da Associação Brasileira de Enologia (ABE) e Carlos Abarzúa, também ex-presidente da entidade.

Dunamis leva seu espírito jovem e descomplicado à maior feira a céu aberto da América Latina

Com produtos das linhas Elementos e Movimentos, a Dunamis apresentará a elegância e jovialidade de seus vinhos aos milhares de visitantes da 39ª Expointer, maior feira a céu aberto da América Latina com foco nos segmentos agropecuária e agroindustrial, que ocorre em Esteio (RS). Entre os dias 27 e 31 deste mês, a vinícola estará na Casa do Vinho Gaúcho, onde oferecerá degustação e comercialização de vinhos brancos e tintos, como Dunamis Cor, Dunamis Tannat e Dunamis Merlot, que podem ser apreciados a qualquer momento.

 A cada ano, a Expointer é visitada por milhares de empresários de todo o Brasil em busca de oportunidades de negócios. Por isso, conforme ressalta o gerente comercial da Dunamis, Mário Pereira da Costa Jr., a participação da vinícola na feira servirá para destacar a qualidade e os diferenciais dos produtos a novos clientes e parceiros em potencial. “Esta é a terceira vez que participamos do evento. Neste ano, desejamos intensificar as degustações para que as pessoas conheçam de perto nossa filosofia de que o consumo de vinhos deve ser leve e descomplicado”, explica. Aqueles que visitarem o estande durante a Expointer poderão ganhar até 15% de desconto na compra de caixa fechada com seis unidades de produtos Dunamis.

A Dunamis tem suas raízes em duas regiões estratégicas para produção de vinhos no Rio Grande do Sul – a Campanha e a Serra Gaúcha, que possuem terroirs apropriados para o cultivo de diferentes variedades de uvas e a fabricação de bebidas finas. “O conceito de aliar excelência e jovialidade vem nos permitindo cativar cada vez mais apaixonados por vinhos que se identificam com a proposta da marca”, completa Costa Jr.

SERVIÇO

O quê: Dunamis na Casa do Vinho Gaúcho

Quando: 27 a 31 de agosto

Onde: Expointer 2016 – Parque Assis Brasil – Esteio (RS)

Horário: das 8h às 20h30min

Dunamis Merlot - foto Jeferson Soldi

Apreciadores do vinho brasileiro: dia 30 abrem as inscrições para a 24ª Avaliação Nacional de Vinhos

Chegou o momento em que os apreciadores de vinhos podem participar da 24ª Avaliação Nacional de Vinhos, maior evento brasileiro do gênero. O público poderá garantir sua inscrição a partir das 8h30min do dia 30 de agosto pelo site www.enologia.org.br, com vagas limitadas. O evento, promovido pela Associação Brasileira de Enologia (ABE), que conta com a coordenação técnica da Embrapa Uva e Vinho e apoio do IFRS – Campus Bento Gonçalves, ocorrerá no dia 24 de setembro, no Parque de Eventos de Bento Gonçalves, na Serra Gaúcha, reunindo cerca de 850 apreciadores para degustar 16 vinhos selecionados entre os mais representativos da Safra 2016.

O grande momento da Avaliação reunirá enólogos, sommeliers, enófilos, apreciadores, consumidores e jornalistas do Brasil e do exterior. Cada uma das 16 amostras será degustada por todos os participantes, além de ser comentada por um dos convidados que compõem o painel de comentaristas. Neste momento, o evento tem um caráter lúdico, pois permite que o público faça sua própria análise e compare suas impressões com as de especialistas no assunto. E, no final, serão divulgados os nomes dos vinhos que integram os 30% mais representativos da safra 2016, incluindo os degustados às cegas pelo público.

 O presidente da ABE, enólogo Juliano Perin, destaca que o público deve ficar atento ao período de inscrições, pois as vagas costumam esgotar no primeiro dia. “A Avaliação Nacional de Vinhos é uma experiência única, que une centenas de pessoas com algo em comum: a paixão e a curiosidade pelo mundo dos vinhos. Por isso, as vagas são muito disputadas e aqueles que desejam participar já devem se programar para acessar o site da ABE a partir das 8h30min do dia 30 de agosto”, ressalta.

Bastidores da Avaliação

Neste ano, cerca de 15 profissionais estiveram envolvidos na coleta de 241 amostras realizada de 18 de julho a 3 de agosto sob a coordenação técnica da Embrapa Uva e Vinho. No decorrer do período, as equipes foram até 46 vinícolas localizadas na Bahia, Minas Gerais, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e São Paulo para recolher nove garrafas de cada amostra inscrita na Avaliação, somando 2.169 exemplares sem rótulo ou marca que identifique a empresa participante.

 No total, as amostras percorreram a distância de 9.240 quilômetros até o município gaúcho. “Foi um processo de muita responsabilidade, pois mobilizamos profissionais para coletar vinhos diretamente de tanques, lotes de barricas ou já em garrafas – muitos ainda em fase de maturação e estabilização. Mas as vinícolas confiam no trabalho desenvolvido pelas equipes, ratificando a credibilidade do evento”, pontua o chefe geral da Embrapa Uva e Vinho, Mauro Zanus.

A etapa seguinte, que teve início dia 18 de agosto e se encerra nesta semana, dia 25, consiste na Degustação de Seleção com a participação de 90 enólogos divididos em seis grupos de 15 profissionais que avaliam as amostras no Laboratório de Análise Sensorial da Embrapa Uva e Vinho, em Bento Gonçalves, para indicar as 30% mais representativas da Safra 2016.

cerca de 850 apreciadores de vinhos participam do evento -foto Jeferson Soldi (2)

Fonte: CONCEITOCOM Brasil

Guatambu Estância do Vinho marca presença durante a Expointer 2016

A Guatambu Estância do Vinho, de Dom Pedrito, RS, marca sua presença na Expointer 2016 integrando diversas atividades em vários espaços do Parque de Exposições Assis Brasil, além da comercialização de seus rótulos durante os dias 24 de agosto a 04 de setembro.

No dia 27 de agosto, o vinho Rastros do Pampa Cabernet Sauvignon será um dos rótulos degustados durante o curso de vinhos para o público feminino, o workshop “Girl’s Night Out”, ministrado pela jornalista e editora do portal As Boas Coisas da Vida, Lilian Lima. A atividade, com entrada franca, ocorre a partir do meio dia, na Casa RBS.

A vinícola estará presente durante o lançamento do Sumário Genômico de Touros Hereford e Braford, que ocorre na quarta-feira, 31 de agosto, às 18h30, no auditório da Casa da Embrapa. Os rótulos Poesia do Pampa Brut e vinho Da Estância Tinto Corte serão servidos durante o coquetel que tem promoção da Embrapa Pecuária Sul, Conexão Delta G e GenSys Consultores Associados, Associação Brasileira de Hereford e Braford.

Durante toda a feira, os interessados poderão adquirir os espumantes e vinhos da Guatambu no espaço da Vinho e Arte, da enóloga Maria Amélia Duarte Flores, na Villa Victória, incluindo os recém-lançados rótulos da linha Lendas do Pampa. Os rótulos Angus Tannat e o espumante Angus Extra-Brut, desenvolvidos pela vinícola para a Associação Brasileira de Criadores de Angus, integram a carta do restaurante da associação, no Boulevard.

PROGRAMAÇÃO GUATAMBU ESTÂNCIA DO VINHO – EXPOINTER 2016

·         Vinho e Arte na Villa Victória: Point wine da Guatambu Estância do Vinho – venda dos produtos | durante toda a feira

·         Angus Tannat e Espumante Angus Extra-Brut na carta de vinhos do restaurante da Associação Brasileira de Criadores da Raça Angus no Boulevard | durante toda a feira

·         Dia 27/08 | 12h | Casa RBS | Workshop Girl’s Night Out – degustação do vinho Rastros do Pampa Cabernet Sauvignon

·         Dia 31/08 | 18h30 | auditório da Casa da Embrapa | Coquetel de lançamento do Sumário Genômico de Touros Hereford e Braford com os rótulos Poesia do Pampa Brut e vinho Da Estância Tinto Corte

Sobre a Guatambu

A Guatambu é uma vinícola boutique que trabalha com administração familiar, em pequena escala, somente com uvas próprias, lotes limitados e garrafas numeradas, em Dom Pedrito, na Campanha Gaúcha, desde 2003. Situada no coração do pampa gaúcho, na fronteira com o Uruguai, o cultivo da videira é marcado por um terroir com mais de 2.300 horas de luminosidade durante o período vegetativo da videira e escassez de chuvas no verão, garantindo a maturação fenólica das uvas e a opulência de seus vinhos.

A vinícola conta com um complexo enoturístico, que engloba área de produção, auditório, sala de degustação, salão com parrilla para eventos e loja, com referências arquitetônicas voltadas à cultura gaúcha e às estâncias do pampa, sendo considerada referência em estilo, beleza e modernidade. Desde maio de 2016 funciona com 100% de energia solar, tornando-se o primeiro empreendimento da área na América Latina movida através de energia limpa.

lendasdopampa_creditoandrefeltes

Villa Francioni recebe o projeto História & Vitivinicultura

Na tarde de sábado (20/08) a vinícola Villa Francioni, de São Joaquim (SC), recebeu uma turma de estudantes interessados na história do empreendimento. A visita faz parte do projeto “História & Vitivinicultura na Serra Catarinense”, idealizado e coordenado pelo professor Gil Karlos Ferri, da E.E.B. Padre Antônio Vieira de Anita Garibaldi (SC). O projeto tem por objetivo ensinar a história regional através da realização de saídas de campo, nas quais os alunos conhecem os empreendimentos vinícolas e aprendem sobre aspectos históricos e socioeconômicos da Serra Catarinense.

O tour pela Villa Francioni contemplou a galeria de arte, o corredor de imagens que contam a trajetória da vinícola, a observação dos vinhedos, a exposição de um vídeo institucional da empresa, e visita guiada pelo técnico em viticultura e enologia Luiz Filipe Farias, com explicações sobre o processo de produção dos vinhos finos e espumantes.

Mais uma vez, os alunos do professor Gil – um entusiasta do vinho de altitude catarinense – puderam ver, perguntar e aprender sobre a importância do vinho para a região. Uma experiência empolgante, repleta de boas histórias!


Nota de Degustação: Salton Intenso Teroldego + Marselan 2015

Elaborado com as variedades Maselan + Teroldego, apresenta 13% de álcool e não estagiou em barricas de carvalho francês.

Apresenta uma coloração violácea intensa, de boa limpidez. No início os aromas apresentam-se fechados, porém com tempo em taça os aromas se abrem e mostram toda sua qualidade, sendo muito elegante e intenso, predominando as notas frutadas, principalmente amora, cereja e morango e nuances de menta. De médio corpo e persistência, apresenta taninos harmônicos e maduros. Acidez equilibrada e retrogosto predominando as notas frutadas, e nuances de especiarias.

Um vinho jovem, pronto para consumo, de muita qualidade…Ótima opção para o dia a dia.

20160721_102701